quarta-feira, 23 de julho de 2014

segunda-feira, 14 de julho de 2014

Um poema para Dogcão e sua turma



RODRIGO E SUA TURMA
Você criou seus personagens
Com tão ricas imagens,
Retratadas não só nos desenhos,
Mas também em seus desempenhos.

Representam tanta gente:
O que quer todo mundo no inferno; (Beu)
Aquele que é complacente,
Que é religioso e terno. (Taclárcio)

Tem o que fala coisas sem saber; (Oel Cogu)
O que quer para todos a paz ; (Godofredo)
A que faz maldade sem querer,
Que é doce, mas o que ela faz... (Tinha)

O que é tão companheiro; (Leopoldo)
Tem o que é fiel escudeiro; (Aspílio)
O que não quer ser confundido; (Maspírio)
E que o seu saber traz escondido. (Galouco)

Tem o que é um tremendo insensível; (Orlock)
E tem aquele que come até o impossível; (Ôbódi)
E o que quer destruir o mundo,
Sem saber que dele é oriundo. (Pafúncio)

Tem o personagem impulsivo e atolado,
Que, vejam só, é irônico também; (Dogcão)
Tem o que quer apenas ser amado; (Peticuloso)
E tem o herói que não salva ninguém! (Super Dogcão)


Por Lúcia Valéria

quarta-feira, 9 de julho de 2014

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Grandes obras de arte: Os Comedores de Batata

Os Comedores de Batata - Vincent Van Gogh, 1885
Na reedição da semana você pode conferir "Os Comedores de Batata", de Van Gogh. Não perca as novidades que estão por vir. Para ler a análise do Dogcão desta obra, basta clicar bem aqui. Isso, é aí mesmo.